Políticas Científicas

  • Governança e financiamento da CTI
  • Estratégias e dispositivos para assistência técnica aos governos
  • Diplomacia científica
  • Ética das ciências
  • Equidade de gênero no campo científico
  • Estimulando jovens pesquisadores
  • Integração regional para cooperação científica
  • Conhecimento ancestral e seus sistemas de conhecimento
  • Discussão democrática da CTI
  • Políticas de CTI para o desenvolvimento humano sustentável
A ciência, a tecnologia e a inovação (CTI) são elementos centrais para o desenvolvimento de sociedades de conhecimento sustentáveis ​​e desempenharão um papel fundamental na consecução dos objetivos da Agenda 2030.
Esta área de intervenção incidirá na promoção da interface ciência-política-sociedade e troca de conhecimento, para formular melhores políticas públicas de IST baseadas em evidências e enfrentar os desafios do desenvolvimento sustentável e da mudança social.
A CILAC 2018 reunirá muitas das mais altas autoridades em políticas científicas na América Latina e no Caribe, proporcionando a oportunidade de discutir novas abordagens, como promover mecanismos para ter conhecimento científico relevante, acessíveis e com o tempo necessário para a tomada de decisões políticas. A ciência e a tecnologia desempenham um papel central, mas não exclusivo, de modo que o diálogo entre e com outros conhecimentos é fundamental.
O novo paradigma da “ciência da sustentabilidade”, que utiliza uma lente interdisciplinar para conceber soluções holísticas sustentáveis ​​usando todo o espectro de conhecimento (das ciências sociais às ciências exatas) será uma parte central do debate na CILAC 2018.